Marker
relógio Seg a Sex dàs 7h às 22h - Sáb dàs 7h às 12:30h
(51) 9 9833-8006
(51) 4100-2513

A ansiedade de viver no mundo empresarial

Categoria: Comportamento Profissional
Nos tempos atuais, é muito comum ouvirmos a palavra ansiedade sendo pronunciada por milhares de pessoas. A ansiedade é, até mesmo, vista como o “mal do século XXI”, mas como se dá a ansiedade de viver no mundo empresarial?

Podemos caracterizar a ansiedade de viver no mundo empresarial como o grupo de comportamentos e sentimentos que invadem um indivíduo nos momentos que precedem uma dada situação no trabalho sobre a qual não se pode controlar o desfecho.

É necessário salientarmos a distinção entre medo e ansiedade. O medo é a reação emocional à ameaça iminente, real ou percebida; a ansiedade é o adiantamento de uma potencial ameaça futura.

A ansiedade é uma situação de alteração psíquica, desencadeada por uma tenção criada pela nossa mente.

Os principais sintomas são:
  • pressa;
  • tensão;
  • desconforto físico (como palpitação, sudorese, tensão muscular);
  • ideias negativas.
Tendo em vista como funciona a sociedade moderna, no que diz respeito às exigências do mercado de trabalho e sua grande competitividade, é bastante compreensível considerarmos indivíduos ansiosos com os resultados que irão gerar.

A ansiedade de viver no mundo empresarialSomos cobrados constantemente por metas que visam melhorar os resultados dos departamentos e empresas que trabalhamos. Assim, inevitavelmente será criado o famoso sentimento de ansiedade. Tentamos prever os problemas e situações futuros, a fim de encontrarmos alternativas para solucionarmos ou lidarmos da melhor forma com eles.

Porém, quando tentamos antecipar o que irá acontecer no futuro, esquecemos de viver o presente. Além disso, notamos a angústia por vivermos (mesmo que mentalmente) essas situações projetadas. A enorme quantidade de estímulos que somos expostos todos os dias e o nível de pressão ao qual somos sujeitos no ambiente empresarial, somada a necessidade de atingir resultados e ao medo de perder o emprego, podem ser consideras os principais motivos para o aumento da ansiedade. Certamente, este quadro é o principal responsável por levar os executivos a buscar ajuda psicológica e/ou psiquiátrica.

A fim de não deixar a ansiedade de se trabalhar no mundo corporativo tomar conta da situação, é necessário uma mudança de pensamento.

Portanto, o indivíduo ansioso deve deixar de pensar nas situações que estão por vir, para tentar prevê-las; ou seja, deverá focar em viver o presente, lidando com fatos reais e concretos.

Se tratando do meio de corporativo, definir um plano de trabalho com metas atingíveis, que atendam tanto a necessidade do profissional como da corporação, tendem a diminuir significativamente os níveis de ansiedade. Portanto, o foco no presente também refletirá positivamente no desempenho do colaborador. No entanto, acima de tudo lhe trará mais qualidade de vida – o que é de inestimada valia.

Psic. Alessandra Ribeiro – CRP/27850

Psicóloga clínica, Pós-Graduanda em Psicologia Clínica Junguiana


Se identificou com o assunto deste post?
Então deixe seus dados abaixo que entraremos em contato em instantes* para agendar sua AVALIAÇÃO BÔNUS!


Seu nome*
Seu e-mail*
Seu telefone

Gostou? Compartilhe:

Leia Também

Deixe seu comentário

Contato e Endereços

Para facilitar o seu atendimento, a Psicotér atende em diversas localidades de Porto Alegre. Veja no mapa qual o endereço mais próximo de você e ligue para agendar sua primeira consulta gratuita!

(51) 4100-2513
(51) 9 9833-8006
Fale conosco
Entre em contato para agendar sua AVALIAÇÃO BÔNUS ou tirar dúvidas.

(51) 4100-2513