Marker
relógio Seg a Sex dàs 7h às 22h - Sáb dàs 7h às 12:30h
(51) 9 9833-8006
(51) 4100-2513

Depressão de Verão – Será que existe depressão sazonal?

Categoria: Sem categoria

A depressão sazonal é aquela que surge em determinados períodos do ano em função das condições climáticas e características da estação.

Depressão de verão: não existe uma explicação comprovadamente cientifica para o fato, mas na prática temos a experiência de pessoas que passam por episódios depressivos de forma sazonal.

No caso da depressão de verão, os sintomas são unicamente evidenciados no final da primavera e no verão. Pode-se atribuir esse diagnóstico se o quadro estiver presente nos últimos dois anos, e além disso, se o episodio depressivo não ocorrer em outro período fora dessa estação.

Fique atento as alterações que constituem a depressão:

👉 Alterações de humor (ansiedade, irritabilidade, impaciência, sentimento de vazio, tristeza profunda sem motivo aparente).
👉 Fadiga aumentada (diminuição da energia habitual para realização de tarefas, sensação de cansaço, desmotivação, perda do prazer).
👉 Alterações cognitivas (dificuldade de concentração, atenção, memória, o raciocínio lógico e a capacidade para tomada de decisões podem ficar afetados).
👉 Sentimentos negativos de inferioridade, incapacidade, impotência ou culpa.
👉 Ideias autodestrutivas, sentimento de querer fugir, abandonar tudo e
pensamentos de morte podem ocorrer.
👉 Alterações de sono (insônia ou necessidade de sono aumentada).
👉 Alterações na alimentação (apetite diminuído ou comer em excesso, por impulso e ansiedade).

Lembrando que o quadro depressivo tem causas internas, ou seja, uma predisposição genética e aspectos biológicos do indivíduo, juntamente com características emocionais, e causas externas, que estão relacionadas ao ambiente e que contribuem para o surgimento dos sintomas, podendo ser climáticas, sociais ou culturais.

🌞 Na depressão de verão vemos o componente externo e climático de grande relevância para a constituição e manutenção do quadro, geralmente associado à incidência de luz e calor na vida dessas pessoas.

Imagem - depressão sazonal

Elas relatam dificuldade de adaptação nessa estação do ano, baixa produtividade, perda da energia, diminuição do prazer, irritabilidade, dificuldade de concentração entre outros sintomas da depressão em função das altas temperaturas, entretanto, nem todos os sintomas precisam estar presentes.

 Há hipóteses de que a luz age sobre um neurotransmissor do organismo (a serotonina) responsável pela sensação de bem estar e prazer, e a luz atua também sobre um hormônio (a melatonina) capaz de regular o sono.

Assim, a exposição aumentada à luz caraterística dessa estação do ano provoca alterações de humor e também no estado de vigília (e necessidade de sono) de alguns indivíduos.

Do ponto de vista emocional, essa época do ano é vista como um período associado às férias escolares, momento de relaxar, ir à praia e viajar com a família, sendo portanto alvo de grandes expectativas e fantasias projetadas. Pois bem, na realidade muitos desses planos não se concretizam, trazendo frustrações, dificuldades financeiras, maiores preocupações com a aparência do corpo, física e estética, levando ao isolamento e a
solidão.

😃 Saiba como evitar a depressão de verão! 

👍 Pratique hábitos saudáveis o ano todo.

🍉 Mantenha uma alimentação balanceada, o que a gente ingere afeta nossas emoções e comportamentos. Coma bem, contendo vitaminas e nutrientes necessários para refeições equilibradas.

🚴‍♂️ Pratique atividades físicas regulares, preferencialmente coletivas, que promovam a interação social e desperte o prazer, podem ser caminhadas ao ar livre ou algum esporte da sua preferência.

😉 Amplie a visa social. Busque atividades na companhia de amigos que você possa conversar, distrair-se, ter um momento lúdico na companhia de pessoas que você aprecia e se sente bem, interagindo e buscando essas trocas com alguma frequência, pelo menos semanal.

🤑 Guarde dinheiro. Estudos mostram o quanto à felicidade está associada ao planejamento financeiro. Separe uma pequena porcentagem da sua renda mensal para que você possa desfrutar de um período de férias mais tranquilo. Com uma situação econômica mais favorável, até mesmo o verão poderá ser mais curtido.

🙏 Relaxe, busque o prazer!

Assim, em algum momento do seu dia você deve parar tudo, todas as cobranças, tarefas e obrigações. Você precisa ter o seu momento para recarregar as energias. É um momento único, só teu, destinado a fazer somente o que você gosta. Por exemplo, assistir uma série, ouvir uma música, ler um livro, meditar, ficar deitado no sofá ou simplesmente não fazer nada. Tente não pensar em nada nesse momento. Desse modo, deixe a mente livre e as preocupações de lado. Você voltará a pensar nos acontecimentos depois. Assim, esse é somente o seu “intervalo” de descanso.

😴 Duma bem. Certamente, é muito importante mantermos uma qualidade satisfatória de sono, sem ser interrompido, mantendo 8 horas diárias.

👩‍💻 Planeje o próximo verão. Se essa é uma estação do ano mais difícil para você, pense como você gostaria de enfrentar o próximo verão. Assim, planeje o que precisa ser feito para realizar as mudanças.

🤬 Afaste os pensamentos negativos, pois eles interferem nas nossas emoções e comportamentos. Ou seja, ideias ruins em relação a si próprio, aos outros e ao mundo são consideradas a tríade da depressão. Vão causar sentimentos indesejados de vergonha, raiva, culpa, sentimento de insuficiência, baixa autoestima, entre outros; piorando o seu dia a dia, impactando nas suas atitudes, nos seus relacionamentos e nas suas atividades rotineiras.

Se você sente que tem ou conhece alguém com depressão de verão, o que fazer? 🤔🤔🤔

A depressão de verão é uma doença que tem indicação para tratamento psicológico. Além disso, em alguns casos pode ser medicamentoso também. Busque a avaliação de um psicólogo especialista para resolver o problema. Como outras perturbações emocionais, se não for devidamente tratada desde o princípio, pode evoluir para outros quadros psiquiátricos e/ou psicológicos. Portanto, retardando a cura, aumentando riscos e prejuízos na vida da pessoa como um todo.

👉 A pessoa com depressão tem suas capacidades diminuídas, comprometendo portanto a sua qualidade de vida e das pessoas próximas envolvidas, afetando a vida pessoal, profissional, social, conjugal e ocupacional do indivíduo.

Psic. Márcia Moraes – CRP 07/12844

Psicóloga Cognitivo Comportamental 


Se identificou com o assunto deste post?
Então deixe seus dados abaixo que entraremos em contato em instantes* para agendar sua AVALIAÇÃO BÔNUS!


Seu nome*
Seu e-mail*
Seu telefone

Gostou? Compartilhe:

Leia Também

Deixe seu comentário

Contato e Endereços

Para facilitar o seu atendimento, a Psicotér atende em diversas localidades de Porto Alegre. Veja no mapa qual o endereço mais próximo de você e ligue para agendar sua primeira consulta gratuita!

(51) 4100-2513
(51) 9 9833-8006
Fale conosco
Entre em contato para agendar sua AVALIAÇÃO BÔNUS ou tirar dúvidas.

Depressão de Verão – Será que existe depressão sazonal? | Psicoter
(51) 4100-2513