Marker
relógio Seg a Sex dàs 7h às 22h - Sáb dàs 7h às 12:30h
(51) 9 9833-8006
(51) 4100-2513

Vou ficar dependente da terapia?

Categoria: Sem categoria

Um questionamento comum ocorre nas pessoas que querem fazer terapia, será que ficarei dependente desse tratamento?

Imagem - Vou ficar viciado em terapiaA preocupação naquilo que pode gerar dependência em nossa vida é constante. Podemos fazer uma lista de coisas na qual não conseguimos nos desvencilhar; como: alimentação, saúde, segurança, higiene, a vida em comunidade, nossos relacionamentos e hábitos. Em contrapartida existem dependências que precisam ser reelaboradas para que possamos evoluir.

Vivemos numa sociedade onde a máquina do consumo é movido pela comunicação de imagens e estímulos; um arsenal de informações com velocidade imensurável. Mensagens subliminares estimulam nosso inconsciente, manifestando hábitos através do nosso comportamento e emoções, podendo ser bons ou destrutivos.

Questionamos a tal da dependência, mas não sabemos como lidar com esse bicho de sete cabeças que aprisiona e causa adoecimento ao nosso psiquismo. O que fazer então diante desta dúvida?

Primeiramente será necessário ter claro os motivos que nos fazem começar. Assim como também a diferença desta decisão em nossa vida. Ter dúvidas é absolutamente normal e devem ser dialogadas com nosso terapeuta. Dúvidas não podem ser obstáculos e sim desafios a serem percorridos durante a terapia. Aprenderemos durante o processo terapêutico a importância de ser autêntico em nossas relações, por mais difícil que o seja.

O receio de tornar-se dependente pode comunicar a você muito mais do que imagina, o medo, a resistência e auto sabotagem à mudanças. Para não enfrentar teu sofrimento, pode ser que seja mais fácil desistir, se desisto continuo na área de conforto, mera ilusão, pois a situação acaba tendo proporções piores.

Na prática clinica, costumo dizer aos meus pacientes, a terapia é o auxilio quando não temos força para seguirmos sozinhos. O profissional neste momento ajudará o paciente a descobrir um jeito mais seguro de prosseguir este ciclo de vida e ter autoconfiança para superar a crise e passar para outra etapa.

Dê o primeiro passo, procure um profissional e esclareça suas dúvidas, a terapia é uma relação de confiança a ser construída entre você e seu psicólogo, falar sobre o que lhe causa ansiedade é um sinalizador de que estas no caminho certo.

O fato de estar precisando de ajuda não significa que ficarás dependente, lembrando que o livre arbítrio sempre será seu. O progresso terapêutico é quando você descobre-se emocionalmente maduro e verdadeiro, consequentemente mais independente para decidir e arcar com suas próprias decisões.

Dessa forma, você desenvolve um eixo de equilíbrio individual e em qualquer relação interpessoal. É importante salientar que o papel da terapia é fundamental nesse procedimento, posto que a pessoa ao longo do seu progresso acaba adotando um novo estilo de pensamento, aprendendo a ser honesta consigo mesmo, se desvencilhando da terapia de forma natural, como um segundo nascimento.

👉 Quem está falando com você é Nina Guarnieri, Psicóloga da Equipe Psicotér

Entre em contato conosco através desse link para agendar uma Avaliação Gratuita para psicoterapia, Online ou Presencial, com um Psicólogo ou Psicóloga em Porto Alegre. Temos a garantia do melhor atendimento e psicólogos de Porto Alegre altamente qualificados.

 


Se identificou com o assunto deste post?
Então deixe seus dados abaixo que entraremos em contato em instantes* para agendar sua AVALIAÇÃO BÔNUS!


Seu nome*
Seu e-mail*
Seu telefone

Gostou? Compartilhe:

Leia Também

Deixe seu comentário

Contato e Endereços

Para facilitar o seu atendimento, a Psicotér atende em diversas localidades de Porto Alegre. Veja no mapa qual o endereço mais próximo de você e ligue para agendar sua primeira consulta gratuita!

(51) 4100-2513
(51) 9 9833-8006
Fale conosco
Entre em contato para agendar sua AVALIAÇÃO BÔNUS ou tirar dúvidas.

Vou ficar dependente da terapia? | Psicoter