Marker
relógio Seg a Sex dàs 7h às 22h - Sáb dàs 7h às 12:30h
(51) 9 9833-8006
(51) 4100-2513

Ciúmes: normal ou doentio?

Categoria: Comportamento, Relacionamentos

Um dos grandes motores de um relacionamento destrutivo é, com certeza, o ciúme. Mas cuidado, ele é traiçoeiro e até uma doença.

O ciúme é uma emoção inerente ao ser humano e é considerado algo muito comum porque todos nós de alguma forma já o vivenciamos. No entanto, sua ausência ou o excesso podem prejudicar o relacionamento.

Geralmente surge quando uma pessoa sente que um rival (real ou imaginário) passa a receber as atenções da pessoa amada. O indivíduo sente alguma ameaça frente a um relacionamento muito valorizado, fato este que oferece risco à sua segurança afetiva, ou seja, a possível perda do ser amado.

Enquanto isso, o ciúme…

O ciúme patológico ou doentio é um ciúme extremamente potencializado caracterizado por comportamento excessivo, irracional, obsessivo e invasivo. A maioria dos ciumentos patológicos são pessoas normais, sem traços de doença psicótica. Geralmente não aceitam que tem um problema.

Assim, se o que está por trás é o intuito de cuidar, zelar, tudo bem. A questão é quando o que o sustenta é o sentimento de posse (egoísmo) e depreciação, ‘mui’ amigos de um cara chamado delírio, primo da paranoia.

Senhoras e senhores, aqui nasce o ciúme patológico:

Em meio a esta emoção intensa o indivíduo passa a ter comportamentos obsessivos e incontroláveis para sanar suas dúvidas, tais como:

Verificar se a pessoa está no local onde informou que estaria e se realmente e se está com quem disse que estaria, violar correspondências, além de checar bolsos, bolsas, carteiras, recibos, roupas íntimas, contrata detetives particulares, etc.
Estão constantemente buscando evidências e confissões que confirmem suas suspeitas mas, mesmo assim as dúvidas permanecem quando não aumentam ainda mais, já que a confissão do outro nunca é detalhada ou fidedigna em relação à expectativa do ciumento.

Quais são as Causas?

O ciúme pode surgir nas relações interpessoais em várias fases da vida e por diversos motivos.

Inicialmente pode surgir por: insegurança, baixa auto-estima, imaturidade emocional, ou seja, aspectos emocionais relacionados à vida afetiva da pessoa. Somado a tudo isso o ciúme pode se instalar pelo medo do abandono, da solidão, da sensação de perda emocional, de controle e sobretudo da maneira como o casal conversa e enfrenta suas dificuldades.

Principais características do comportamento do ciumento doentio:

? Grande desejo de controle total sobre os sentimentos e comportamento do companheiro;

? Preocupação excessiva com relacionamentos afetivos anteriores (o passado) do companheiro;

? Desconfiança excessiva e infundada do companheiro;

? Frequentes questionamentos opressivos junto ao companheiro;

? Busca frenética por confirmações da sua desconfiança;

? Pensamentos repetitivos de receio, ressentimento culpa e acusação;

? Reações físicas, espontâneas ou frequentes, como dores pelo corpo, taquicardia, dor de cabeça, sudorese e tremedeira;

? Ciclo vicioso: dúvida-desconfiança-chilique-culpa-carinho-“eu vou mudar”.

? Uma pessoa se submete a este tipo de relação por diversos motivos, entre eles, baixa autoestima, dependência emocional, ausência de referência de amor, culpa, emoções fantasiosas, falta de amor próprio, inferioridade… a lista é grande, diferencia-se pelas particularidades de cada ser humano.

Procure ajuda profissional, independente se você é o ciumento ou sofre com o ciúme do seu parceiro. São problemáticas sérias que você não conseguirá se livrar sozinho, acredite.

Primeiramente é preciso reaprender a relacionar-se sem o controle e libertar-se da angústia da dúvida para experimentar o prazer de um relacionamento “saudável”, onde ambos possam compartilhar momentos de tranquilidade, sem ter que abrir mão de sua individualidade ao mesmo tempo. Certamente isso é possível, basta querer.

Resolva-se e seja feliz.

Gostou? Compartilhe:

Leia Também

Comentário Fechado

Contato e Endereços

Para facilitar o seu atendimento, a Psicotér atende em diversas localidades de Porto Alegre. Veja no mapa qual o endereço mais próximo de você e ligue para agendar sua primeira consulta gratuita!

(51) 4100-2513
(51) 9 9833-8006
Fale conosco
Se preferir, preencha os campos abaixo e entre em contato para agendar sua consulta: