Marker
relógio Seg a Sex dàs 7h às 22h - Sáb dàs 7h às 12:30h
(51) 9 9833-8006
(51) 4100-2513

Sociopatas ou Antissociais – Transtorno de Personalidade

Categoria: Doenças e Transtornos

Lembra da personagem Carminha de Avenida Brasil? Sociopatas têm sérias dificuldades para sentir empatia em relação aos outros.

Em outras palavras, eles acham extremamente difícil e em alguns casos até impossível se colocar na posição da outra pessoa. É por causa disso que tantas vezes eles são indelicados e insensíveis, divertindo-se em humilhar e depreciar.

Imagem - Transtorno de Personalidade Antissocial ou SociopatasA predisposição de sociopatas para falar o que querem sem se importar com a verdade em conjunto com o seu narcisismo exacerbado, levam-nos a contar histórias mirabolantes em que eles são os heróis e em que os seus opositores são sempre maus e culpados por tudo. Valendo-se de mentiras ou de meias verdades, o antissocial manipula quem ele quer, para obter lucro pessoal ou simplesmente para se divertir.

Os sociopatas tem emoções rasas. Ele é extremamente habilidoso em demonstrar amizade, carinho e consideração para ganhar a confiança das pessoas. Mas suas emoções em grande parte são superficiais e as demonstrações de cuidado não passam de mero teatro. Até mesmo suas demonstrações de raiva são artificiais. Logo depois de um ataque de ira, o antissocial retorna ao estado normal, deixando claro que não provou do sentimento como uma pessoa normal provaria.

Este transtorno de personalidade caracteriza-se pelo padrão social de comportamento irresponsável, explorador e insensível constatado pela ausência de remorsos.

Essas pessoas não se ajustam às leis do Estado simplesmente por não quererem, riem-se delas, freqüentemente têm problemas legais e criminais por isso. Mesmo assim não se ajustam. Freqüentemente manipulam os outros em proveito próprio, dificilmente mantêm um emprego ou um casamento por muito tempo.

Indivíduos que desrespeitam e violam os direitos dos outros, não se conformando com normas. Mentirosos, enganadores e impulsivos, sempre procurando obter vantagens sobre os outros. São irritados, irresponsáveis e com total ausência de remorsos. Podem estabelecer relacionamentos afetivos superficiais, mas não são capazes de manter vínculos mais profundos e duradouros.

Aspectos essenciais:

  • Insensibilidade aos sentimentos alheios
  • Atitude aberta de desrespeito por normas, regras e obrigações sociais de forma persistente.
  • Estabelece relacionamentos com facilidade, principalmente quando é do seu interesse, mas dificilmente é capaz de mantê-los.
  • Baixa tolerância à frustração e facilmente explode em atitudes agressivas e violentas.
  • Incapacidade de assumir a culpa do que fez de errado, ou de aprender com as punições.
  • Tendência a culpar os outros ou defender-se com raciocínios lógicos, porém improváveis.

Atos delitivos

Costumam ter comportamentos que atentam contra a integridade das pessoas. É por isso que é frequente terem problemas com a lei. É frequente que roubem, destruam propriedades privadas, entre outros.

Características pessoais

Manipulam para conseguir seus objetivos e tendem a desprezar os sentimentos e direitos das demais pessoas. São mentirosos e impulsivos. Não costumam pensar nas consequências de seus atos. São pessoas agressivas, costumam provocar brigas físicas de forma reiterada e cometer atos de agressão contra pessoas que fazem parte de seu entorno, como por exemplo, maus tratos aos filhos e ao(à) companheiro(a).

Excessos

São caracterizados pela imprudência, costumam colocar em risco sua própria segurança e a dos demais, como por exemplo dirigir em estado de embriaguez, descuidar ou abandonar o cuidado de uma criança sob sua responsabilidade, etc. Costumam utilizar a ira e a raiva como formas de conseguir o respeito das outras pessoas.

Instabilidade

 Costumam ter problemas trabalhistas, sociais e familiares. Costumam abandonar frequentemente seus trabalhos, ser despedidos e desperdiçar dinheiro. Têm escassas habilidades interpessoais quando não se trata de manipular os demais. São desconfiados e pensam que os outros são uma ameaça para eles.

Personalidade

 São egoístas, teimosos e arrogantes. Para atingir seu objetivo costumam mostrarem-se joviais, encantadores. São pouco flexíveis, discutem por qualquer coisa e tendem a ser facilmente irritáveis. Consideram-se pessoas inteligentes e audazes. Não apresentam nenhum tipo de sentimento de culpa pelos comportamentos que tiveram.

Não têm limites

 Cansam-se rapidamente da rotina, deixando de lado todas as responsabilidades para viver, segundo eles, de forma independente e livre. São movidos pelas recompensas imediatas, os projetos de longo prazo para eles não existem. É por isso que este tipo de condutas que os caracterizam, gera neles um prazer imediato.

Transtornos associados

Este transtorno pode aparecer acompanhado de outros transtornos, como, por exemplo, transtornos depressivos, transtornos de ansiedade, transtornos relacionados com substâncias, transtornos de controle de impulsos, etc.

Saiba mais sobre o tratamento para Sociopatas ou Antissociais clicando aqui.

Gostou? Compartilhe:

Leia Também

Deixe seu comentário

Contato e Endereços

Para facilitar o seu atendimento, a Psicotér atende em diversas localidades de Porto Alegre. Veja no mapa qual o endereço mais próximo de você e ligue para agendar sua primeira consulta gratuita!

(51) 4100-2513
(51) 9 9833-8006
Fale conosco
Se preferir, preencha os campos abaixo e entre em contato para agendar sua consulta: